HISTÓRIA DA PARÓQUIA SÃO JUDAS 

FOTO DA IGREJA 1954.JPG

Obras da antiga Igreja de São Judas Tadeu em 1954

FOTO DA IGREJA 1970.JPG

Obras da atual  Igreja de São Judas Tadeu em 1970

A Paróquia de São Judas foi a principal responsável pelo nascimento do bairro que se desenvolveu ao seu redor e foi construída a partir da iniciativa dos padres premontratenses, originários de Premontre na França, para trabalhar na comunidade em 1953, a pedido de Dom Ernesto de Paula, exaluno do colégio da Ordem. Em 1954 foi inaugurada uma pequena Igreja que serviu à comunidade, a qual teve a pedra fundamental lançada em 28 de dezembro de 1953, a primeira missa celebrada em 28 de fevereiro de 1954 e início das obras em maio do mesmo ano.

 

O atual templo foi construído a partir de 1962 e teve o padre Henrique Ribeiro da Fonseca, já responsável pela escolha do padroeiro da igreja quando de sua primeira edificação, à frente das obras. A construção de uma igreja de grandes proporções tem sua justificativa pautada na significativa devoção dos piracicabanos por São Judas, necessitando assim de um grande espaço para abrigar a todos os fiéis. A Igreja, cujo projeto foi desenvolvido pelo arquiteto Giulio Del Fabro, acomoda 1500 pessoas sentadas.

 

Atuante na comunidade, a paróquia manteve uma escola de 1ª à 4ª séries em suas dependências até 1972. Em 1975 as obras do templo foram concluídas, ainda restando terminar alguns acabamentos. Somente em 2004 as obras foram reiniciadas quando o interior da igreja foi pintado pelo artista Giuliano Montebelo, da cidade de São Paulo. O projeto modernista desenvolve a construção em vários blocos interligados, incluindo uma torre e uma cúpula central. As linhas retas são a característica mais marcante do conjunto, que tem por principal ornamentação, um painel de azulejos, representando São Judas Tadeu na Rua do Porto.

Sao%20Judas%20na%20Rua%20do%20Porto_edit

Fonte : Igrejas - Piracicaba: IPPLAP, 2012. 92 p: il. - (Patrimônio Cultural de Piracicaba; v. 2)